skip to content

Oficina realizada no Festival de Inverno é ministrada em Santa Catarina

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
A oficina “Memórias, ausências e história: atingidos e resiliência em Mariana - Vida Secreta dos Objetos e das Paisagens”, que ocorreu dentro da programação do Festival de Inverno, reverberou em outros encontros. A atividade integrou o IX Fórum Brasileiro e IV Encontro Catarinense de Educação Ambiental, em Balneário Cambouriu, Santa Catarina, entre 17 e 20 de setembro. 

O mecanismo adotado para a construção da oficina foi o de uma roda de saberes, por meio da qual foi possível falar, escrever e produzir desenhos sobre as histórias de vida.

A oficina foi ministrada pelos professores Dulce Maria Pereira, da UFOP, e José Matarezi, da Universidade do Vale do Itajaí (Univali). Participaram do encontro as atingidas pela Barragem do Fundão, Luzia Nazaré Motta Queiroz e Rosária Ferreira Duarte Frade, e a aluna de Engenharia de Produção da UFOP Hellen Guimarães. A professora Dulce Maria também representou a UFOP no II Encontro Nacional de Escolas Sustentáveis e no Encontro de Mulheres Ambientalistas da América Latina. Os eventos aconteceram paralelamente ao Fórum. 

12614_img_0935.jpg

Divulgação
 
Parte do grupo participou ainda do lançamento do curta-metragem "Além da Lama" em Balneário Cambouriu, Itajaí e Joinville. O curta-metragem será exibido nesta quarta (4) no 8º Encontro Nacional do Movimento dos Atingidos por Barragens, no Rio de Janeiro.  
 
"Além da Lama" - O curta-metragem é um dos resultados da oficina realizada em Mariana durante o Festival de Inverno. Na ocasião, além da professora Dulce Maria Pereira e do professor José Matarezi, também esteve presente o gravurista José Milton Turcato. 
 
Da oficina, resultou ainda um livro com mais de 30 histórias de vida, editado em cartonaria pelo Instituto Caracol de Navegantes (SC), com o objetivo de disseminar e fortalecer a luta dos movimentos sociais e dos atingidos pela barragem. Todo o trabalho dialoga com a valorização da memória socioambiental no processo de educação ambiental desenvolvido no cotidiano da escola e das comunidades. 
 
A oficina, o filme e o livro são resultado de ações em parceria entre Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI) e Universidade Regional de Joinville (UNIVILLE), em articulação com o Movimento dos Atingidos por Barragem (MAB), ativada pelos projetos de pesquisa e extensão “Escolas Sustentáveis” (UFOP), “Trilha da Vida” e "Sala Verde  - Observatório de Educação, Saúde, Cidadania e Justiça Socioambiental do Vale do Itajaí (SC)” (UNIVALI), e "Arte, Cultura, Patrimônio: da produção à institucionalização - relações e tensões - ARCUPA" (PMPCS/UNIVILLE), com apoio do Instituto Caracol, Ladurabilité - ações para sustentabilidade e do projeto Somos do Mar. 

Veja também

19 Janeiro 2016

Alunos de todos os cursos da UFOP em Mariana podem se candidatar a duas das vagas de voluntários, sendo um...

Leia mais

20 Janeiro 2016

As aulas de yoga do Centro Desportivo da UFOP (Cedufop) retornam na próxima terça (26), às 7h30. A participação é...

Leia mais

2 Fevereiro 2016

O debate será realizado nesta quarta-feira (03), às 17h30, no auditório do bloco de salas de aula. A discussão é...

Leia mais

12 Fevereiro 2016

A reunião acontece na próxima quarta (17), às 10h, no auditório da Escola de Nutrição, no Campus Morro do Cruzeiro,...

Leia mais