skip to content

Desafios para o segundo semestre

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
NPG
Todo início de semestre letivo é cercado por expectativas e desafios. Iniciar 2019.2, porém, mostra a exacerbação de tais atributos, uma vez que temos a incerteza como um dos principais ingredientes deste cenário, a partir dos bloqueios implementados no nosso orçamento ao longo do primeiro semestre, assim como pelas discussões acerca do futuro de nossas Instituições Federais de Ensino Superior.
 
Do ponto de vista orçamentário, podemos dizer que tivemos condições de iniciar o semestre, garantindo as atividades relativas ao mês de agosto, a partir dos limites liberados até o momento, mas que não serão suficientes para arcar com todas as demandas. O bloqueio realizado no início do mês de maio ainda persiste no nosso orçamento.
 
Além disso, a UFOP ainda não tem informações acerca do orçamento destinado para o ano de 2020, que comporá o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA). Somente assim é que teremos os elementos necessários para definirmos os próximos passos a serem dados por nossa Instituição, na perspectiva de um planejamento de médio prazo.
 
Paralela a esta questão, ocorrem as discussões sobre o Projeto Future-se, delineado pelo Governo Federal, como uma proposta de modernização das IFES. As universidades vêm se debruçando sobre o tema para se posicionarem, considerando que, em caso de aprovação pelo Congresso Nacional, existe ainda a prerrogativa de as Instituições aderirem ou não à proposta.
 
Na UFOP, como noticiado ao longo do semestre passado, o Conselho Universitário instituiu uma comissão para avaliar o Future-se. O resultado desta avaliação será discutido pelo CUNI e comunidade acadêmica, que nortearão os caminhos a serem trilhados pela Universidade.
 
Iniciamos o semestre em meio a incertezas, mas adiantamos a nossa certeza em continuar como uma universidade forte, autônoma, capaz de propiciar um ensino público de qualidade, a inserção social e uma pesquisa de ponta com inovações sociais e tecnológicas, visando, sobretudo, a formação de cidadãos comprometidos com a sociedade, e contribuindo para proporcionar um desenvolvimento justo e soberano de nosso país.
 
Bem-vindos!
 
Cláudia Marliére – Reitora
 
Hermínio Arias Nalini – Vice-reitor

Veja também

25 Março 2020

Gestores públicos devem valer-se do conhecimento e não da mera opinião. Não têm o direito de fazer apostas políticas com...

Leia mais

19 Fevereiro 2020

Em razão do Ofício-Circular do MEC enviado às Instituições Federais de Ensino Superior a respeito das despesas oriundas da folha...

Leia mais

4 Fevereiro 2020

A partir de 1º de março, as unidades e setores da UFOP devem encaminhar à Reitoria — Gabinete, Chefia de...

Leia mais

22 Novembro 2019

Nesta quinta-feira, 21 de novembro de 2019, a Administração Central da UFOP foi surpreendida com a notícia de que a...

Leia mais