skip to content

Conjunto II de Moradias Estudantis é inaugurado e entregue aos estudantes em Mariana

Twitter icon
Facebook icon
Google icon

Ana Amélia Maciel

A Pró Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis (Prace) inaugurou na última sexta (18), o Conjunto II de Moradias Estudantis de Mariana. Após a solenidade, foram entregues as chaves para os estudantes selecionados. Estiveram presentes o reitor Marcone Jamilson Freitas Souza, o pró-reitor de Assuntos Comunitários e Estudantis Rafael Magdalena, o pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento Rodrigo Bianchi, o diretor do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas José Benedito Donadon Leal, representantes da Prefeitura do Campus (Precam) e do Núcleo de Assuntos Comunitários e Estudantis de Mariana (Nace-Mariana).


O reitor Marcone Jamilson Freitas Souza parabenizou os finalistas do edital e disse que são "privilegiados" por serem os primeiros moradores das residências. Pediu que "cuidassem" bem das residências, uma vez que foi investido cerca de 5 milhões neste novo conjunto de moradias, desde a aquisição do terreno até a entrega mobiliada. O pró-reitor Rafael Magdalena agradeceu ao ex-reitor João Luiz Martins por ter iniciado a obra, o apoio da Precam, da Divisão de Compras, do Almoxarifado e do Comitê de Moradia Estudantil pela elaboração do regimento interno das moradias e também do edital de seleção. Também frisou que "a moradia é da sociedade" que foi construída com dinheiro público e que "essa primeira geração de moradores" tem uma "missão" que é  preservar e conservar esse "patrimônio que é público", assinalou.



 

02519_img_4262_1702161462758448410.jpg

 Reitor, vice e pró-reitores comemoram a entrega das chaves na área de convivência - Foto: Aprígio Vilanova

O Conjunto II é composto por quatro casas e quatro apartamentos com capacidade total de abrigar 120 estudantes, 60 mulheres e 60 homens. As casas comportam 12 estudantes em quartos duplos e os apartamentos tem capacidade para 18 alunos. Metade das moradias é de ocupação mista. Dos 81 inscritos no edital de seleção, 62 foram classificados e 30 compareceram na reunião de pré-moradia, uma etapa eliminatória. Após o recesso, representantes da Prace vão se reunir com a administração da Universidade para definir a ocupação das 90 vagas ainda não preenchidas.

02512_dsc_0121_782200582041690411.jpg 

Novas moradias estudantis em Mariana - Foto: Thiago Barcelos